Mais Poesia – Allen Ginsberg

by

Allen Ginsberg e Peter OrlovskyAllen Ginsberg e Peter Orlovsky

Judeu, viado, chegadaço em substâncias ilegais, e poeta. Entre ouvir falar em Allen Ginsberg e transformá-lo em um exemplo quimérico de paudurescência a ser seguido não me demorou nem trinta segundos. Nos anos oitenta, de quando data essa foto – ele é o da esquerda -, desafiado por um jovem, Allen ficou nu durante a leitura de um poema para uma platéia de acadêmicos. “Ser poeta é estar nu”, resumiu o velho aquela noite. E é mesmo. Mais que isso, é levar a poesia pra fora dos livros, é saber que mostrar a piça na hora certa vale muito mais que bibliotecas inteiras.

Quando chegamos ao acordo de fazer um blog sobre sexo, saquei na hora Allen tinha que estar logo nos primeiros posts. E foi justo esse trecho que transcrevo abaixo que me veio em mente. Canção foi escrito há 50 anos, é um dos mais líricos de Ginsberg, geralmente mais porraloca e anáquico. Exemplo da busca pelo amor que vai tão fundo na carne que consegue transcendê-la. Segue apenas um trechinho, porque já escrevi demais prum blog:

(…)

os corpos quentes

brilham juntos

na ecuridão,

a mão se move

para o centro

da carne ,

a pele treme

na felicidade

e a alma sobe

feliz até o olho –

(…)

 

Para conhecer mais sobre Allen Ginsberg, Pernas Abertas recomenda o filme Uivoclique aqui para conhecer.

19 Respostas to “Mais Poesia – Allen Ginsberg”

  1. Isma Cardoso Says:

    Eu só gostaria de ver um desses nas janelas do ônibus.
    (O poema, não a piça de fora, que fique bem claro.)

  2. Alexandre haubrich Says:

    Eu só gostaria que, só pra não ficar injusto, na próxima postagem aparececem duas espécimes do sexo feminino em nu frontal.
    Só para ser politicamente correto, fique claro.

  3. Ale Lucchese Says:

    A redação achou justa a reivindicação e jah está providenciando imagens de espécimes femininos. Afinal, não sejamos machistas, mostrar o grelo em público também é poesia.

  4. danisibonis Says:

    adorei o cabelo do cara com mais cabelo, pro ladinho, um charme…

  5. Suicide Girls « Pernas Abertas Says:

    […] na mão e disponibiliza três ensaios completos do SG! É só clicar na modelo aí e baixar. Pra quem ficou reclamando que só tinha foto de homem pelado aqui, taí a oportunidade de tirar a barriga da […]

  6. Maria Inah Says:

    Dava pra melhorar? Está muito comportadinho. A idéia é boa, mas falta “fogo.” Beijos.

  7. Kaddish para Allen Ginsberg « Pernas Abertas Says:

    […] Allen Ginsberg Volta e meia encontro com alguma coisa e – PAH! – sinto que tenho que voltar a Allen Ginsberg. E assim faço, e o devoro por horas e horas, como aconteceu nesse domingo. E a vontade de publicar […]

  8. Hugo Tavares Says:

    foto fodastica!!!!

  9. regina augusta Says:

    A poesia é ótima, mas eu tenho tesão por gays… ainda mais beats…
    Tem louca pra tudo nesta vida…

  10. duffert Says:

    olha, n q seja prepotência minha mas n devemos nos preocupar com o nu do ginsberg, no entanto q choque mais nossa cueca – que é tão sacana pra usar.

  11. wescley Says:

    que coisa não??? muito boa a foto…ahhh e o poema também!

  12. luciano Says:

    a poesia é o mundo escrito.

  13. lucas aaaaa Says:

    porra, descobri allen ginsberg agora através das canções de cazuza e fiquei louco pela porra louquice de suas poesias ele e jack kerouac escreveram a biblia hippie.

  14. Beth Maria Says:

    Porque os poemas dos GLS tem mais sabor que os dos héteros?. Acredito que a contemplação pode ser o elemento chave de tanto tesão. Eu faço os meus, sou hetero e somente agora encontrei um parceiro que escreve como eu e usa o que escrevo e coloca seu olhar masculino, na mesma temperatura. A foto, pode ser qualquer uma, o que importa é o que ela quer dizer.

  15. Thiago Coutinho Says:

    Acho que é uma tremenda falta de respeito com tudo o que esse grande homem fez, reduzi-lo a um mero viado judeu é no mínimo uma ignorância absurda. Acho que os criadores e os postadores de mensagens tão escrotas tinham que ter um pouco de vergonha, pois não sabem nem 1/3 do que esse homem foi capaz de fazer.

  16. Manoel Cavalcante Leão Netto Says:

    Dia da Poesia… Allen Ginsberg, destes nossos tempos, é quem mais foi poeta

  17. Rosangela Says:

    Uma coerência desafiadora essa sua predileção, foi censurado eu soube. Ele fascina pela nudez da alma, principalmente. Deslumbrante!!!!!!!!! Forte e intenso… como você.

  18. Camila Says:

    Ambos, censurados pela hipocrisia abundante!

  19. Manu Says:

    Ser poeta é estar nu.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: