Delírio (Olavo Bilac)

by

151.jpg

Nua, mas para o amor não cabe o pejo
Na minha a sua boca eu comprimia.
E, em frêmitos carnais, ela dizia:
– Mais abaixo, meu bem, quero o teu beijo!

Na inconsciência bruta do meu desejo
Fremente, a minha boca obedecia,
E os seus seios, tão rígidos mordia,
Fazendo-a arrepiar em doce arpejo.

Em suspiros de gozos infinitos
Disse-me ela, ainda quase em grito:
– Mais abaixo, meu bem! – num frenesi.

No seu ventre pousei a minha boca,
– Mais abaixo, meu bem! – disse ela, louca,
Moralistas, perdoai! Obedeci…

[ Olavo Bilac ]

13 Respostas to “Delírio (Olavo Bilac)”

  1. alelucchese Says:

    menino bem mandado esse olavo

  2. Marina Says:

    Teste outra vez :p

  3. Débora Says:

    Lembremos sempre que ele era necrófilo…

  4. Marina Says:

    Ele? Acho que o necrófilo era o Augusto dos Anjos, não?

  5. david Says:

    todo mundo tem um pouco de loucura so que em alguns a loucura é mutua

  6. david Says:

    COMO ELE CHEGA

    Eu quero ver quem diz

    Quem é feliz sem dinheiro

    Por outro lado quem tem

    Diz que é infeliz

    Ou pensa em ser feliz

    A verdadeira felicidade

    Mora na coração

    Onde reina a amizade

    Quem vive na escuridão

    Felicidade não alcança não

    Quem não anda

    Não pode correr

    Quem não chora

    Não pode amar

    E o amor!

    Vem sem menos avisar

    Se o amor!

    Ao menos batesse na porta

    Pedindo para entrar

    Mais prefere chegar

    Chegar de surpresa!

    Sem menos avisar

    E a pessoa que não ama

    Der repente passa a amar.

  7. Car Dealers Says:

    just meandered in….

    Really love google, very fine website. Have a nice day….

  8. Wallace Says:

    Ele tem instinto para essas coisas!!!!
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  9. digu Says:

    Tem gente que nao gosta

  10. Marlene Travenzoli Says:

    esse e o video que procurava entendeu pra voce bjssss

  11. Selin Orbasan (O Beduino) Says:

    Maravilhosa! Só faltou para completar o banho de xixi.

  12. Bernardo da Silva Araujo Says:

    >>>Faz muitos anos que escuto declamada essa linda poesia do Olavo Bilac, Na época em que foi escrita, a sociedade não a deve ter apoiado dado ao seu cunho sexual mais íntimo para as mulheres e menos asseado aos homens. Mas os tempos mudaram, e agora já se fala de outras maneiras de saciar o mundo de fantasia de homens e mulheres, todas elas praticadas sem a maior timidez por qualquer das partes..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: